Seja bem vindo ao site da Telebras

Pular para o conteúdo principal
Você esta em: Conteúdo Principal

Jarbas Valente recebe Prêmio Marechal Rondon de Comunicações

O presidente da Telebras, Jarbas Valente, foi uma das mais de 50 personalidades receberam nesta terça-feira, 14, o Prêmio Marechal Rondon de Comunicações. Durante solenidade no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). As condecorações foram entregues aos nomes que desempenham trabalhos relevantes nas áreas das telecomunicações, radiodifusão, serviços postais e comunicação social.

 

Durante o evento, foi ressaltada a importância do patrono Marechal Rondon para integração do país, ao longo da história, e destacou que as ações na área da comunicação promovem, na atualidade, integração digital e social.

 

Avanço na área das comunicações 

 

As iniciativas conduzidas pelo ministério das Comunicações vêm ampliando o acesso à informação e já retiraram do deserto digital mais de 9 milhões de pessoas.

 

Durante a cerimônia, o ministro enfatizou as ações que fortalecem o setor de radiodifusão, como as medidas para desburocratização de processos, migração de rádios AM-FM, programa Digitaliza Brasil e a portaria que determina a habilitação para recepção da rádio FM nos celulares. “Este ano, 30% dos celulares já terão rádio FM; ano que vem, outros 30% e até 2023 todos os brasileiros acessarão as FMs em seus aparelhos gratuitamente”, acrescentou Faria.

 

No âmbito das telecomunicações, destacou os programas Wi-Fi Brasil, Norte e Nordeste Conectado, Cidades Digitais, Computadores para Inclusão, as destinações do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações, as emissões de debentures incentivadas para fomentar os investimentos no setor e as parcerias para instalação de cabos submarinos. Não deixou de enfatizar os benefícios que serão alcançados no país com a entrada do 5G: “serão US$ 1,2 trilhão nos próximos 15 anos”.

 

Patrono das Comunicações 

 

Cândido Mariano da Silva Rondon, conhecido como Marechal Rondon, dedicou-se à ligação de regiões de fronteira e do sertão brasileiro aos principais centros urbanos. A história conta que Rondon desbravou mais de 50 mil quilômetros de sertão e estendeu mais de 2 mil quilômetros de fios de cobre pelas regiões do país, ligando as áreas de difícil acesso pela comunicação do telégrafo. Sua trajetória também é conhecida pelo empenho na integração de indígenas à civilização.

 

Os indicados ao prêmio foram selecionados por comissão de avaliação e pelo ministro das Comunicações. A lista está dividida em quatro categorias, com nomes de ministros de estado, entidades parceiras e vinculadas ao MCom, como os Correios, a Anatel, a Telebras e a EBC.

 

A homenagem foi instituída em abril (Portaria 2.336/2021) e prevê também uma homenagem post mortem, que será entregue ao cônjuge, familiar ou representante.

 

Com a Assessoria de Comunicação do MCom.

Compartilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Relacionados