Representantes do Governo Federal se reúnem com empresas estaduais de tecnologia, em evento promovido pela ABEP

28 de março de 2017

O encontro teve a participação do presidente da Telebras, Antonio Loss, que apresentou o Satélite Geoestacionário (SGDC)

Continue Lendo →

Telebras anuncia parceria com Campus Party para 2017

24 de março de 2017

A Campus Party, maior experiência tecnológica do mundo, contará com a TELEBRAS como provedora oficial de Internet de alta velocidade em todas as edições regionais neste ano.

A Internet é um dos principais atrativos da Campus Party: é nas bancadas com conexão cabeada de alta velocidade e qualidade que os campuseiros fazem networking e participam de hackathons, por exemplo. E, para 2017, será a Telebras a provedora oficial de Internet de todas as edições regionais neste ano.

“Estamos muito contentes com a parceria. A Telebras está conosco desde 2016 e, por sua excelência e padrão mundial foi escolhida para fornecer a conexão nas edições da Campus Party Brasil”, declara Francesco Farruggia, presidente do Instituto Campus Party.

A parceria também é celebrada por Antonio Loss, presidente da Telebras: “A velocidade das telecomunicações vem mudando há muito tempo. E é uma mudança exponencial. Tudo isso pode ser contado através da Campus Party. Para a Telebras é uma honra ser parceira desse grande evento”.

A empresa será a responsável por toda a infraestrutura de internet das 4 edições completas (edições de 05 dias) da Campus Party que acontecem neste ano. São elas:

·         Brasília (DF), de 14 a 18 de junho, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

·         Salvador (BA), de 09 a 13 de agosto, na Arena Fonte Nova.

·         Rio de Janeiro (RJ), de 06 a 10 de setembro, no Centro de Convenções Sul América.

·         Belo Horizonte (MG), de 31/10 a 05/11, no Expominas.

Vale lembrar que a Campus Party também terá edições no formato Weekend que não vão oferecer conectividade por acontecer em apenas 02 dias (um sábado e um domingo). A primeira do ano acontecerá no município de Pato Branco (PR), dentro do evento Inventum, nos dias 14 e 15 de outubro.

Sobre a Campus Party:

A Campus Party é a maior experiência tecnológica do mundo. Realizada desde 1997, reúne jovens geeks em um festival de inovação, criatividade, ciência, empreendedorismo e universo digital.  Desde a sua primeira edição, na Espanha, encontrou um público tão entusiasmado que cresceu e se internacionalizou passando a ter, a partir de 2008, edições no Brasil, Inglaterra, Alemanha, Colômbia, México Equador e El Salvador. Em 2017, a Campus Party Brasil realizou sua décima edição em São Paulo com mais de 104 mil visitantes e 8 mil campuseiros vindos de 24 Estados brasileiros. Ao longo de uma semana, os participantes ficaram instalados em mais de 6,5 mil barracas e contaram com uma internet de 40 gigabytes para aproveitar mais de 750 horas de atividades e conteúdos. No ano anterior, também foram realizadas a Campus Party Recife, Campus Day Brasília e Campus Party Minas Gerais.

A Campus Party é uma realização da MCI, empresa global de produção de eventos, gestão de associações e organização de congressos, com sede em Genebra (Suíça), e fundada em 1987. A MCI possui 60 escritórios, espalhados em 31 países entre Europa, América, Ásia-Pacífico, Índia, Oriente Médio e África. No Brasil, a MCI foi constituída em 2009 e conta com escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

www.brasil.campus-party.org

IMG_1132 IMG_1134 IMG_1135 IMG_1138 IMG_1139 IMG_1141 IMG_1142 IMG_1146

Telebras e Marinha participam do projeto espacial

Fonte: www.marinha.mil.br

Em cerimônia realizada no Salão Histórico do Comando do 1º Distrito Naval, no dia 17 de fevereiro, foi celebrada a assinatura do termo de cessão de uso do imóvel para implantação de um Centro de Operações Espaciais Secundário (COPE-S), que irá funcionar na Estação Radio da Marinha do Rio de Janeiro (ERMRJ).

O acordo foi assinado entre a Marinha do Brasil, representada pelo Comandante do 1º Distrito Naval, Vice-Almirante Cláudio Portugal de Viveiros; e pelas Telecomunicações Brasileiras S/A (Telebras), representada por seu Presidente Sr. Antônio Kingler Loss Leite; com a interveniência da Comissão de Coordenação e Implantação de Sistemas Espaciais (CCISE), presidida pelo Major Brigadeiro (ENG) Fernando Cesar Pereira.

Em uma área de aproximadamente 25 mil metros quadrados da ERMRJ, na Ilha do Governador (RJ), a Telebras construirá e implantará o COPE-S, como parte da infraestrutura que possibilitará a operacionalização do primeiro Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), permitindo a transmissão de internet banda larga para todo o Brasil continental, bem como para as águas jurisdicionais brasileiras.

O SGDC foi construído pela empresa francesa Thales Alenia Space, com transferência de tecnologia, e será lançado na Guiana Francesa, no próximo dia 21 de março. Em seu discurso, ele mencionou a importância de contar com o apoio do Ministério da Defesa no projeto. “O SGDC brasileiro vai permitir que a internet chegue aos lugares mais remotos, podendo gerar desenvolvimento, melhores condições de saúde, educação e possibilidade de crescimento”, disse.

O Major Brigadeiro Fernando Cesar Pereira ressaltou em seu discurso a dualidade na utilização do SGDC, que poderá servir tanto para a inclusão digital da sociedade, quanto em benefício das Forças Armadas, visto que parte de sua capacidade de uso será destinada à banda X, uma faixa de frequência de uso exclusivo militar.

Ao dirigir a palavra ao público, o Vice-Almirante Viveiros reconheceu a importância daquele evento: “O setor espacial, destacado na Estratégia Nacional de Defesa, alcança um novo patamar com esse projeto, com impactos positivos para a defesa do País”, afirmou. Ele também incluiu em seu discurso a importância de estabelecer parcerias em grandes projetos e o orgulho da Marinha em estar contribuindo para essa conquista.

Representantes da Telebras fazem visita institucional ao Centro de Mídias de Educação da SEDUC

Fonte: www.seduc.am.gov.br

Uma equipe da empresa Telecomunicações Brasileiras S. A. (Telebras) esteve na manhã desta sexta-feira (24), visitando e conhecendo a estrutura do Centro de Mídias de Educação da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), localizado no bairro Japiim II, Zona Sul de Manaus.

Na ocasião, a equipe formada pelo presidente da Telebras, Antonio Loss; pelo diretor técnico-operacional, Jarbas Valente; e pelo chefe de gabinete, Gregory Slavero; foi recepcionada pelo secretário de Estado de Educação e Qualidade do Ensino, Algemiro Ferreira Lima, e demais secretários e diretores de departamento da Secretaria.

Durante a visita, a equipe da Telebras teve a oportunidade de acompanhar a transmissão de uma videoconferência ministrada por técnicos da Gerência de Programas, Projetos e Atendimento ao Escolar da SEDUC para os municípios do interior, além de assistirem a uma demonstração de como são produzidas as aulas transmitidas via satélite para estudantes das áreas mais remotas do interior do Estado.

De acordo com o titular da SEDUC, Algemiro Lima, é sempre importante divulgar o trabalho que é feito através do Centro de Mídias, principalmente para a Telebras, que comanda as telecomunicações no Brasil inteiro. “Ter aqui no nosso Centro de Mídias o presidente da Telebras e a sua equipe é uma importância grandiosa, pois eles comandam as telecomunicações no Brasil e estão aqui para compartilhar um pouco da nossa experiência no Centro de Mídias e expandir isso para o País inteiro e, junto conosco, aperfeiçoar o que nós temos”, explicou o secretário.

Para o presidente da Telebras, Antonio Loss, conhecer o Centro de Mídias foi uma grande honra, dada a relevância que o projeto exerce na educação do Estado do Amazonas. “Estou impressionado com essa iniciativa do Estado, da Secretaria de Educação do Amazonas, dos professores, dos técnicos e de todos que trabalham por trás das câmeras para levar a inclusão social a esses estudantes de localidades remotas. É uma honra estar aqui hoje. Estou muito orgulhoso”, ressaltou o presidente da Telebras, entusiasmado com o projeto.

Centro de Mídias

Implantado em 2007, o Centro de Mídias da SEDUC atende a mais de 40 mil estudantes de aproximadamente três mil comunidades rurais do Estado. Localizado no bairro do Japiim (Zona Sul de Manaus), em prédio anexo à SEDUC, o Centro de Mídias é equipado com sete estúdios de TV de onde uma equipe de professores (especialistas, mestres e doutores), ministra as aulas que são transmitidas via satélite e acompanhadas por comunidades rurais amazonenses.

Nas comunidades rurais atendidas, cada uma das salas de aula é equipada com kits tecnológicos possibilitando que professores e alunos interajam como se ambos estivessem no mesmo espaço físico.

Nas comunidades rurais, os alunos assistem (via TV), diariamente, às aulas ministradas pelos professores dos estúdios e também são acompanhados, nas salas de aulas, por professores previamente capacitados para o projeto.

Seduc3 Seduc4 Seduc5 Seduc6 Seduc7 Seduc8 Seduc9 Seduc10 Seduc11

ADIAMENTO LANÇAMENTO SATÉLITE

21 de março de 2017

Telecomunicações Brasileiras S.A.- TELEBRAS (“Companhia”), em cumprimento às disposições legais, comunica que, em decorrência da continuidade do movimento social na Guiana Francesa, de onde será lançado o SGDC, a empresa lançadora de satélites, Arianespace, decidiu adiar o lançamento. Confirmada a nova data de lançamento pela Arianespace, a Telebras informará a sociedade, seus acionistas e o mercado.

 
Página 1 de 8512345...102030...Última »